terça-feira, 9 de setembro de 2008

Regresso

De volta… Tão diferente. Cheia de tanto. Uma mistura de sentimentos do tamanho do mundo que solta a alma por aí. E a alma é só uma parte de mim que voa… comigo. O coração, preso às asas do pensamento e da lembrança, amarrado ao prazer de sentir, acompanha-a nas viagens que o carinho lhe oferece.
É bom o quarto… o céu logo ali na janela, as fotos, a primeira gaveta da mesinha de cabeceira.
Coimbra!
Aulas, sempre a aumentar, a espalharem-se pelo dia inteiro. E de novo, aquele ambiente quente, os elevadores cheios de gente… os corredores que parecem fechar-se a alguns quartos de silêncio perturbante, mas que se abrem para todos num (des)conhecimento fascinante.
Ontem, quando entrei naquele mundo, embora ligeiramente atrasada (mas ainda no quarto de hora académico), parei a respirá-lo. Ali, lugar onde quase todos passam, onde o dia começa e acaba, onde os corações se apertam e a esperança, às vezes, (não) volta, há a capela mais triste e cheia de fé que conheço.
Um ano de escolhas difíceis, por serem únicas e marcarem para sempre.
Faz parte.
Gosto disto!


7 comentários:

Cátia disse...

É bom voltar ao dia-a-dia, à luta, quando se gosta e quando (ainda) se acredita.

Força para o novo ano e para as muitas lutas que se aproximam...

Beijinho grande

Kleine Hexe disse...

Linda, força para o novo ano e espero que ultrapasses todas as metas =)

Beijokinhas!!!!

Cris disse...

Ni,

um beijinho de força, esperança e fé. Tudo vai correr bem, de certeza!

Carla Sofia disse...

Bom regresso, determinação e sucesso é o que te desejo.
xinhos

joaquim disse...

E ali, na «capela mais triste e cheia de fé que conheço», vais encontrar no regresso a força para continuar, o discernimento para as "escolhas dificeis".

Abraço amigo em Cristo

Cátia disse...

Parece que temos algo em comum! Somos as duas estudantes!Gostei muito do teu blog!Desejo-te tudo de bom e que este ano que vai começar te corra muito bem!
beijo

Pinipom disse...

Ainda bem que regressas-te e sempre com grande magia!

venho-te cnvidar a percorreres o meu "inverno Amado" e disfrutas de « Estradas vazias
cheias de segredos
cravados na calçada gasta» que «Cheiram a Ti
Cheiram a mim»

beijo solto

Neia