quinta-feira, 11 de outubro de 2007

... mais leve

Chego a casa... sem ninguém. Ligo, como sempre, a televisão... não sei o que dizem... mas tem cor.
Abro as janelas, espreito...
Tiro material da pasta... amanha, já sexta, estará mais leve.
O tempo não pára... não espera por nada mesmo.
Já estava a fazer frio... Fui fechar as janelas. Naquele quarto, quase vazio, a certeza da presença fez-me deitar um pouco. Adormeci.

5 comentários:

dangerously in love disse...

ola, obrigada pela visita:D... Cheguei aqui e fiquei logo presa Às tuas palavras. Adorei. Vou voltar...Ok?
Beijocas
P.S: O frio arrefece as ruas, mas aquece muitos corações;)

Minerva disse...

É por isso que temos de aproveitar bem cada dia... porque o tempo não para!

Beijo grande

Comentário disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Sei que existes disse...

Por vezes também conheço essa sensação...
Beijo grande

elsa nyny disse...

È muita boa essa sensação , linda!

Entretanto há um novo desafio Por Darfur, vem ver se queres colaborar!

Beijinhos!