quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Quero... muito mais

Subo as escadas, folhas de farmacologia na mão, julgava ainda apanhar o sol no quarto. Já sem sol e único desarrumado… recordações e livros por todo o lado. Pego na guitarra e não passo do primeiro degrau… olho a porta, não espera ninguém. Sento-me, os acordes vão saindo, mas a letra esconde-se… Espera pelo silêncio e assalta-me devagarinho.


Quero saber cantar,
Contar o que desconheço,
Quero saber cantar,
Viver até o avesso…

Quero saber sorrir,
Rir e descobrir.
Quero saber sorrir,
Repartir e construir.

Quero saber sonhar,
Acreditar e ser feliz.
Quero saber sonhar,
Começar como aprendiz.

Quero saber sentir,
Fechar os olhos e ver.
Quero saber sentir,
Voltar a criança e ser.

Quero cantar-Te
Quero sorrir-Te
Quero sonhar-Te
Quero sentir-Te…

(mais… muito mais…)



2 comentários:

avelaneiraflorida disse...

E QUE ESSES SONHOS CRESÇAM ...e a CRIANÇA PERMANEÇA!!!

BJKAS, Querida NI!!!!

anawîm disse...

ó Ni... que menina és!!!...

E queres tanto... que já o vives assim como desejas... acredita que sim!

Abração grande grande grande para ti! (e até desconfio que te tens deixado abraçar muito mais por ELE... e nem imaginas como isso me deixa feliz, feliz...) eheh