sábado, 29 de março de 2008

medo inquietante

Julguei sentir medo… Medo de estar no mundo a caminhar em sentido contrário à vida… e de quando nos encontramos não nos seduzirmos a parar um pouco.


5 comentários:

avelaneiraflorida disse...

Querida Ni,

parar um pouco...sentir...reflectir...pode ajudar a encontrar novos caminhos!!!
Bjkas!!!

camisa negra disse...

Minha amiga, se assim te posso chamar, é a primeira vez que comento o teu blog, e com um grande sorriso te digo que tens um blog com artigos fascinantes!
Li hoje todo o mês de Março e não houve nenhum, mas nenhum post que não tivesse gostado! Tens um dom! =)
Virei cá sempre que possível!
Um beijo amigo*

Um Momento disse...

Ni...
O medo é um sentimento de que todos nós temos um pouco...
Contudo não podemos desistir:)
Caminhemos ,a própria vida nos indicará a direcção.
Deixo um beijo ...com carinho, sem medos :)

(*)

Minerva disse...

Qual é o caminho do sentido contrário à vida?

Isso não existe NI... existem recuos, mas não caminhos opostos...

Bjs

Marta disse...

Eu confesso que tenho medo de ir em sentido contrário...tipo, na faixa errada...
já ter medo de me deixar seduzir a parar quando encontro alguém...bem, isso já é outra história...lool
Beijinho!